No icon

Por: Perfexx

Skank faz apresentação de live histórica no Mineirão

Nenhuma banda tem uma ligação tão grande com um estádio de futebol como o Skank. E o quarteto não podia escolher um cenário melhor para sua primeira live que não o Mineirão.

Dez anos depois da gravação do DVD “Skank no Mineirão”, que lotou o estádio, o grupo montou uma estrutura de estúdio, no meio do gramado, no último sábado e recebeu virtualmente o referente a mais de 10 estádios lotados.

“Foi a experiência mais impactante que tivemos nos últimos 30 anos, sem dúvida. Nós estávamos cantando e tocando para uma câmera, mas imaginando as milhões de pessoas que estavam nos acompanhando”, conta Samuel.

Sucessos não faltaram durante a live. O repertório foi baseado na apresentação que a banda levaria para a estrada este ano, na turnê de despedida. Entre os clássicos estavam “Uma Partida de Futebol”, “Garota Nacional”, “Jack Tequila”, “Vou Deixar”, além da recém-lançada “Simplesmente” e de pedidos dos fãs como “Tanto”.

Samuel, Henrique, Haroldo e Lelo contaram algumas curiosidades da carreira e receberam também, virtualmente, alguns convidados especiais como o cantor e parceiro de composições Nando Reis, os jogadores e ídolos do Cruzeiro, Fabio e Leo, o ex-jogador do Atlético-MG, Éder Aleixo e o cantor Jorge Ben Jor.

Entre as instituições, escolhidas pelo grupo, para receber as doações recebidas durante a live, pela plataforma AME, estiveram o Instituto Baccarelli, localizado em Heliópolis, uma das maiores comunidades de São Paulo, Projeto Querubins e Associação Mineira de Reabilitação.

Fotos: Agencia I7 / Mineirão

Comment